Instalando Servidor Apache, MySQL e PHP (LAMP) no Linux (Fedora, Red Hat e CentOS)

Todo desenvolvedor Web precisa de um ambiente de testes, pro pessoal que trabalha com Windows, as opções são o ISS da Microsoft, ou o WAMP que é a versão do LAMP para ambiente Microsoft.

Nunca me pareceu muito prático testar aplicações Web no Windows, já que a grande maioria dos servidores no mundo são Linux, sempre mantive uma máquina virtual com ISS configurado apenas para testar aplicações ASP e seus derivados, mas como a maior parte de meu trabalho sempre esteve no PHP e MySQL, o Linux acabou ganhando preferência no meu dia a dia.

Vamos aprender a instalar os serviços, lembrando que o aprendido aqui também vale para colocar um servidor Web em produção, claro que pouco conveniente, pois hoje os custos de hospedagens profissionais estão cada vez mais baixos, não justificando o investimento em infra para manter um servidor ligado 24 horas hospedando um site pessoal.

O primeiro passo para iniciarmos a instalação, é abrir o terminal, e em seguida logar como usuário root, digitando:

su

dê um enter.

agora insira sua senha de root, configurada quando você instalou sua distro Linux no seu computador.

Após feito isso, vamos iniciar instalando o Apache, com o comando:

dnf install httpd -y

Caso sua máquina esteja utilizando alguma versão anterior do Fedora, o comando retornará erro, então, substitua o ‘dnf’ por ‘yum’, ficando assim:

yum install httpd -y

Agora vamos ativar o serviço de httpd para iniciar automaticamente em cada inicialização do seu sistema operacional:

systemctl enable httpd

Iniciando o serviço httpd pela 1ª vez usando o seguinte comando:

systemctl start httpd

Como nem tudo é perfeito, pode aparecer o seguinte erro:

Job for httpd.service failed. See 'systemctl status httpd.service' and

'journalctl -xn' for details.

Para resolver, elimine todo o conteúdo encontrado em ‘/ etc / hostname’ .
Coloque "Localhost" em "Servername" em ‘/ etc / httpd / conf / httpd.conf’ e ajuste o firewall para permitir que o serviço httpd seja acessado de clientes remotos, utilizando os seguintes comandos:

firewall-cmd --permanent –add-service=http

e

firewall-cmd --permanent –add-service=https

Reinicie o serviço de seu Firewall:

firewall-cmd --reload

suba o serviço httpd, utilizando:

systemctl start httpd

Feito isso, seu Apache já está rodando na máquina, para testar, abra um navegador Web e digite na barra de endereços:

http://seu-ip/ (sabendo que ‘seu-ip’ é o nº de seu IP em sua rede local)

ou

http://localhost/

ou ainda:

http://127.0.0.1/

Você visualizará a tela Padrão do Servidor Apache. Terminando assim a 1ª parte de nosso trabalho.

 

Vamos agora instalar o serviço de Banco de Dados MySQL. Como opção prática e robusta, recomendo o MariaDB.

Para instalá-lo, vamos dar este comando no terminal:

dnf install mariadb mariadb-server -y

Assim como no caso da instalação do Apache, caso a versão de sua distro retorne erro, utilize:

yum install mariadb mariadb-server -y

Após a instalação, vamos ativar o início automático dos serviços, sempre que o computador seja ligado:

systemctl enable mariadb

E iniciá-lo pela 1ª vez:

systemctl start mariadb

O próximo passo é Definir a senha Root de seus bancos MySQL, pois por padrão, ela fica em branco após a instalação, possibilitando o fácil acesso aos databases criados.

Aplique o comando:

mysql_secure_installation

Com isso, aparecerá no terminal o setup para que você possa configurar a senha root. Observe a linha:

Change the root password? [Y/n] y

Pressione a tecla 'y' e dê um enter, (caso seu Linux esteja em português, substitua o ‘y’ por ‘s’).

New password:

Digite para criar sua senha root e dê enter

Re-enter new password:

Redigite a sua senha criada no passo anterior e dê um novo enter.

Password updated successfully!

Pronto ! Sua senha root agora está configurada 🙂

 

 

Agora só está faltando instalarmos o serviço PHP

Utilizaremos o comando:

dnf install php -y

Ou no caso de versão anterior do Linux:

yum install php -y

Feito isso, vamos testá-lo.

Vamos criar um arquivo chamado ‘testphp.php’ na pasta principal da instalação do Apache:

vi /var/www/html/testphp.php

Adicione as seguintes linhas de código:

<?php

phpinfo();

?>

Reinicie o serviço httpd:

systemctl restart httpd

Agora, de volta no seu navegador vamos digitar na barra de endereços:

http://localhost/testphp.php

Será exibido todos os detalhes sobre o PHP como a versão, data de construção e comandos, além de outros recursos.

Vamos instalar o módulo php-mysql com o seguinte comando:

dnf install php-mysql -y

ou

yum install php-mysql -y

Sempre que você instalar algum novo módulo, lembre-se de reiniciar o serviço utilizando:

systemctl restart httpd

E para finalizarmos, vamos instalar um ambiente gráfico para gerenciarmos nossos Bancos de Dados. E para tal tarefa, nada melhor do que nosso querido phpMyAdmin 😀

dnf install phpmyadmin -y

ou

dnf install phpmyadmin -y

Por padrão, o phpMyAdmin pode ser acessado apenas de seu localhost. Para acessá-lo de uma máquina em sua rede, execute os seguintes passos.

Edite o arquivo ‘/etc/httpd/conf.d/phpMyAdmin.conf’ :

vi /etc/httpd/conf.d/phpMyAdmin.conf

Localize os trechos:

<RequireAny>

Require ip 127.0.0.1

Require ip ::1

Require all granted

</RequireAny>

Altere para :

<RequireAny>

#Require ip 127.0.0.1

#Require ip ::1

Require all granted

</RequireAny>

Observação. Existe mais de um único trecho neste arquivo onde você precisará fazer esta alteração.

Salve e feche este arquivo de configuração e Reinicie seu o serviço:

systemctl restart httpd

Agora é só testar seu serviço phpMyAdmin. Na barra de endereços em seu navegador, digite:

http://localhost/phpmyadmin

Você será direcionado para a tela de login do ambiente. Nesta tela, você deve entrar com o usuário root e a senha que você definiu na configuração do MariaDB.

Pronto, seu LAMP está preparado para o uso. Você pode agora criar ou importar seus bancos, e testar seus fontes com muita facilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Qual o Resultado? *